18/03/2017

O primeiro dia, na primeira série...

18/03/2017
Olá amoras, tudo bem?
Espero que sim!

Quem ai já tem filho em idade escolar?

Esse ano de 2017 é especial, pois meu menino inicia um novo ciclo acadêmico.
O primeiro ano do ensino fundamental...

Juro que ainda não estava preparada para este momento, mas fazer o que né, filhos crescem!

Um dia antes de começar as aulas eu já havia deixado tudo pronto, para que ele não esquecesse nada, até a roupa que ele usaria eu separei também rs.

A rotina da manhã foi normal, levar a baby número dois pra creche, fazer o café da manhã e da um tapa na casa, fazer o almoço e começar a arrumar o baby número um pra escola, em seu primeiro dia.

Estava tudo indo muito bem, quando ao pentear o cabelo dele, ele diz que não quer pra escola nova.

Aí meu coração já deu aquele aperto habitual, conversei , expliquei e ele deu uma acalmada.

No trajeto até a escola ele se animou pois viu várias crianças indo também, mas quando chegamos em frente ao portão da escola, o jogo virou .

Ele começou a dizer com mais convicção que não queria ficar naquela escola.

Quando entramos ele segurou minha mão com uma firmeza que me impressionou, e começou a pedir pra ir embora, foi muito difícil esse momento, já comecei a ficar aflita por dentro, mas por fora tentando passar tranquilidade para ele.

As coisas começaram a fluir no seu ritmo de primeiro dia de aula; apresentação da equipe de funcionários e professores .

Então começaram a chamar as turmas e cada professor ia chamando o nome do aluno para se formar uma fila.

Nesse momento os olhos dele encheram -se de lágrimas e ele pediu para que eu não fosse embora e me segurou forte, pedindo para que o levasse comigo se eu fosse.
Nem preciso dizer que nesse momento desabei em lágrimas, tentei controlar mais foi impossível.

Depois de me recompor disse a ele que a professora dele era simpática e uma ótima pessoa e que ele iria gostar dela, conversamos mais um pouco até eu ouvir ela chamando o nome dele, e ele foi para a fila com  minha ajuda.

E enquanto a fila andava ele me olhava como se tivesse medo de não me ver de novo.

Assim que a turminha dele entrou na sala eu corri para a a janela para ver como ele estava.

E ele estava tentando se acalmar, o choro já havia  cessado, a professora me convidou para entrar e tirar uma foto dele, eu amei né rs , e assim fiz, e meu coração se encheu de alegria ao ver que ele sorria para mim.

Fui pra casa mais aliviada, conseguimos!

Mãe é tudo igual, só muda o endereço né? rs.

Hoje ele já esta acostumado e até fica triste nos dias que não tem aula.

Espero que tenham apreciado a leitura de um momento tão importante para mim!
Mamães Forever/ Beijos Fátima Souza

17 comentários:

  1. Ai gente que dorzinha no coração deve ter sido deixar ele na escola né? Olha, não sou mãe mas me lembro do meu primeiro dia, fiz de tudo pra minha mãe não ir embora mas quando entrei na sala e vi um monte de coleguinhas me animei. Que ótimo que ele agora gosta de ir para a aula, espero que continue assim, que aprenda muito e faça amigos verdadeiros.
    Um beijo <3

    ResponderExcluir
  2. Lembro muito bem do meu primeiro dia de aula, eu nunca esqueço! Deve ser muito dificil deixar um filho sozinho na escola no primeiro dia de aula!

    ResponderExcluir
  3. Só de ler me deu uma afliçãozinha kkk deve ser bem difícil pros dois , não consigo nem imaginar ou melhor, consigo como filha pq eu lembro até hoje do meu 1º dia na escola, foi terrível! Que bom que no final deu tudo certo, ele até riu pra foto! hahaha Bjs

    ResponderExcluir
  4. Ai sentir aquele aperto no coração lendo seu texto, não tenho filhos ainda mas sou muito apegada e ja me imaginei sentindo isso no primeiro dia de aula do meu futuro filho rs. adorei bjos

    ResponderExcluir
  5. Que fofooo! Quando eu era menor eu nem olhava para trás, minha mãe fica super chateada com o desapego! Já meus irmãos sempre choravam até acostumar! É normal ter medo do novo! E foi bem legal você não ceder ao medo dele e incentiva-lo!

    ResponderExcluir
  6. Não poderei saber como é esse momento (mas Deus sabe de todas as coisas), mas me deu um apertinho no coração; caiu até um cisquinho no meu olho rsrsrsr.
    Me lembrei, que ano passado no meu primeiro ano de faculdade (600 km da familia), cidade desconhecida, pessoas e era tudo novo; no dia que minha mãe me trouxe, nós duas desabamos e até hoje choro todas as vezes que vou em casa e volto.
    Me trouxe otimas lembranças!
    Beijos e obigada pelo post!

    ResponderExcluir
  7. Aimm meu Deus não quero nem pensar que ano que vem minha pequena vai pela primeira vez pra escolinha :(
    Mas vocês foram super fortes e admirei isso <3
    Que lindinha a cara dele de alívio de te ver hehe
    Beijinhos e Sucesso!

    www.segredosdajuhcosta.com

    ResponderExcluir
  8. Eu imagino o quando deve ser triste deixar o filho assim quando ele não quer ficar na escola. Imagino a dor no coração de pena. Eu me sentiria muito mal, sou mega manteiga derretida. hahaha Amei o relato! bjs

    ResponderExcluir
  9. Deve ser mesmo super difícil, não tenho filhos mas já fico imaginando como vai ser! Fico feliz que tenha dado tudo certo! amei seu post ! Bjs

    ResponderExcluir
  10. Mulher como não conheci teu blog antes em haha eu adorei .. Falmos sobre o mesmo assunto! Eu imagino como deve ser sofrido passar por isso né , tenho filha de 2 anos e ja sofro antecipado, mais Deus nos dê sabedoria e guie nossos filhos.. Otimo post e é linda da carinha dele ao te ver viu .. é amor deeemaisss

    ResponderExcluir
  11. Sei bem como é isso! A vontade que daé te los para sempre agarradinhos com a gente né!?
    Comigo isso aconteceu há uns 10 anos já, pq desde os 3 ela vai pra escolinha. No início "sofrimento" mas depois damos graças a Deus e eles tbem rsrss

    ResponderExcluir
  12. haha que lindo! Eu não tenho filhos, mas tenho uma irmazinha de 8 anos e também acompanhei essa mudança de ciclo na vida dela! Acho tão gostoso essa fase, da saudade da nossa época da escolar. Ler seu post me deu mais saudade ainda. Quando levo minha irmã na escolar eu já sofro, sinto um apertinho no curacao. Imagina qdo for meus filhos! Super te entendo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oii!

    Ainda não tenho filhos, mas imagino como deve ser essa época. Alias cada vez que filhos crescem, s mães vivenciam coisas novas e inesquecíveis e ainda tem a incerteza do que pode acontecer. Agora sua rotina vai mudar, mas ele fará novas descobertas, amizades e vivenciara novas coisas. A parte mais fofa é tirar foto deles com o uniforme novo no primeiro dia de aula. Hahaha
    Espero que ele esteja indo bem na escola.

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  14. Awwwn que lindo lembro do meu primeiro dia como se fosse ontem, não foi nada legal tava tão nervosa que passei mal e acabei o dia no hospital hsuahsua, acho tao legal quando vejo crianças que são mais maduras do que eu fui

    ResponderExcluir
  15. Ai que fofo! A minha filha foi pra escolinha desde os 4 meses e sempre se adaptou muito bem eu q ficava com dó e aperto no coraçao. E conforme foi crescendo ela sempre amou ir para escolinha nunca fez drama a não ser quando mudei ela ano passado mais agora já se adaptou.

    ResponderExcluir
  16. Gente que texto lindo. No meu primeiro dia eu eu estava nem ai kkk estava mto animada por ir a escola. Eu amei meu primeiro dia, virei para meus meus e disse "ah amanhã tem mais!" Toda empolgada. Minha mãe deve ter pensado em
    Como tem uma filha desapegada kkkk

    ResponderExcluir
  17. Lendo essa história, me lembrei da minha infância! Eu também odiei ir para escola no primeiro dia de aula! Minha mãe me deixava lá e eu chorava muito hahahaha foi difícil acostumar! Eu era muito tímida! Mas hoje em dia, sinto uma saudade ENORME dos meus tempos de escola! Diz pro teu filho aproveitar, pq depois que essa fase passar, ele irá sentir falta!

    http://nataliasemh.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário